Português Italian English Spanish

Em seu primeiro Enem, Weintraub coleciona queixas e erros

Em seu primeiro Enem, Weintraub coleciona queixas e erros

Data de Publicação: 22 de janeiro de 2020 16:06:00

Por Canal2N (com informações da Revista Fórum)

A Revista Fórum, dirigida pelo jornalista Renato Rovai, vem denunciando a desastrosa gestão do ministro Abraham Weintraub à frente de seu primeiro Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

Segundo a publicação, o ministro vem tentando desviar o foco minimizando suas falhas divulgando números falsos ou parciais e impedindo o acesso de estudantes e de suas entidades representativas ao dados do INEP, órgão responsável pela elaboração, aplicação, correção e divulgação das provas do Enem.

Conforme a revista, o ministro divulgou, inicialmente, que os erros de correção nas provas atingiram cerca de 6 mil participantes. No entanto, aproximadamente 172 mil queixas já foram encaminhadas ao MEC. Afora aquelas que foram encaminhadas diretamente à Justiça.

“O Ministério Público Federal (MPF) tem recebido nos últimos dias queixas em série de estudantes contra o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019, em pelo menos cinco estados”, destacou a publicação em sua página na internet. “A maioria apontando erros do órgão correção e na nota da prova”, completa.

O ministro Weintraub, notabilizado por sua simpatia às ideias neofascistas e por seu desprezo pela educação e instituições públicas de ensino, à frente de seu primeiro Enem, orientou o INEP a e não comenta as queixas nas procuradorias federais.. Pelo Twitter, celebrou o número de inscritos na prova: “Bom dia! 1º dia de inscrições do #Sisu2020: 993.311 pessoas inscritas. O número é mais que o dobro do ano anterior, quando fechamos em 492 mil inscritos”, escreveu nesta quarta-feira (22).

A União Nacional dos Estudantes (UNE) e a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes) também acionaram o MPF para que haja uma auditoria sobre o resultado do Enem, assim como uma investigação sobre a conduta de Weintraub e do presidente do Inep, Alexandre Lopes.

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário