Português Italian English Spanish

Ministro Vital do Rêgo, do TCU, vira réu por corrupção e lavagem de dinheiro

Ministro Vital do Rêgo, do TCU, vira réu por corrupção e lavagem de dinheiro

Data de Publicação: 31 de agosto de 2020 17:51:00
Por Redação
Do BRASIL 247

O ministro Vital do Rêgo Filho, ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), se tornou réu em uma ação em que é acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

O juiz federal Luiz Antonio Bonat, da 13ª Vara Federal de Curitiba (PR), aceitou nesta segunda-feira (31) a denúncia contra o ministro, e ex-senador pelo MDB, apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF).

O ministro do TCU é investigado pelo recebimento de R$ 4 milhões em propinas que teriam sido pagas pela OAS quando ele presidia a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras no Senado, em 2014. Objetivo seria blindar as construtoras em relação às investigações. 

"Vital do Rêgo Filho teria obstruído as investigações das comissões [...], tendo influído para que se deixasse de apreciar os requerimentos [...] por meio dos quais pretendia-se a convocação, respectivamente, da OAS Engenharia e Participações e da Construtora OAS S.A para prestar informações; e [...] de José Adelmário Pinheiro Filho para prestar depoimento", diz o despacho assinado por Bonat, que substituiu o ex-ministro Sergio Moro na 13ª Vara Federal de Curitiba.

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário