Português Italian English Spanish

Paraíba registra quase 900 novos casos de Covid-19

Paraíba registra quase 900 novos casos de Covid-19

Data de Publicação: 11 de dezembro de 2020 17:26:00
Por Redação
Do WSCOM

Nesta sexta-feira (11), a Paraíba registrou 889 novos casos de Covid-19 e 13 óbitos confirmados desde a última atualização, 5 deles ocorridos nas últimas 24h. Até o momento, 152.962 pessoas já contraíram a doença, 119.971 já se recuperaram e 3.420 faleceram.  489.966 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados.

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 57%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 57%. Em Campina Grande estão ocupados 59% dos leitos de UTI adulto e no sertão 93% dos leitos de UTI para adultos.

Os casos confirmados estão distribuídos por todos os 223 municípios paraibanos. A diferença de casos de ontem para hoje é de 889, nos quais 10 municípios concentram 485 casos, o que representa 54,55% dos casos em toda a Paraíba. São eles:

João Pessoa, com 265 novos casos, totalizando 38.660; Campina Grande, com 63 novos casos, totalizando 14.715; Santa Rita, com 24 novos casos, totalizando 3.891; Cruz do Espírito Santo, com 22 novos casos, totalizando 673; Cabedelo, com 21 novos casos, totalizando 3.805; Cajazeiras, com 20 novos casos, totalizando 3.165; Monteiro, com 19 novos casos, totalizando 1.318; Patos, com 19 novos casos, totalizando 5.917; Sumé, com 17 novos casos, totalizando 820; Esperança, com 15 novos casos, totalizando 942.

Hospital de Campina Grande atinge 100% de ocupação de UTIs para Covid-19

O Hospital das Clínicas, em Campina Grande, chegou a 100% da capacidade nas Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) para Covid-19.

Todos os 30 leitos de UTI da unidade estão ocupados, segundo boletim divulgado nesta sexta-feira (11).

Além deles, há 18 pacientes em leitos de enfermaria, com ocupação de 45%.

Hospital de Patos atinge sua capacidade máxima na UTI Covid-19

O aumento do número de casos de Covid conseguiu lotar a UTI Covid do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) de Patos nesta sexta-feira (11), atingindo 100% de ocupação. Das 19 enfermarias clínicas disponíveis, 17 estão com pacientes com coronavírus, o que representa 80% de ocupação do setor da unidade. “Infelizmente, chegamos a 100% de nossa capacidade de UTI Covid e pacientes que precisem de cuidados intensivos terão que ser atendidos em outras unidades referência da rede de saúde, porque só poderemos receber novos pacientes quando houver uma vacância na UTI, seja por alta ou por óbito”, lamentou o diretor geral do Complexo, Francisco Guedes.

Um dos hospitais de referência da rede pública estadual para casos de coronavírus no sertão paraibano, o CHRDJC nunca tinha atingido sua capacidade máxima, o que aconteceu nesta sexta-feira. A Chefe do Núcleo de Enfermagem do Complexo, Séfora Cândida, reforça a importância da contribuição da população num momento tão crítico da pandemia como esse. “A pandemia não acabou, inclusive, pelo aumento no surgimento de novos casos, e a vacina ainda não está disponível, portanto, população realmente precisa continuar adotando as medidas de proteção, a fim de contribuir com a redução da contaminação pelo vírus”, reitera ela, lembrando que o uso de máscara, a higienização freqüente das mãos e evitar aglomeração são medidas de prevenção importantíssimas na atual conjuntura.

Sobre leitos Covid-19

O Complexo tem, atualmente, 20 leitos de UTI Covid e está com 19 leitos de Enfermaria Clínica no isolamento. Nos próximos dias, a unidade ampliará sua capacidade de atendimento na Terapia Intensiva para casos de coronavirus para mais seis leitos, totalizando 26 leitos de UTI Covid. As obras para instalação desses novos leitos está em ritmo acelerado. Os novos espaços é fruto da política de expansão da rede de atendimento aos casos de Covid do Governo Estadual, através da secretaria Estadual de Saúde, que se antecipou com a ampliação de leitos Covid para melhor atender a população nessa segunda onda de contágio.

(Com adaptações - Leia WSCOM aqui)

 

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário