Português Italian English Spanish

Lava Jato queria prender ministros do Supremo, diz hacker

Lava Jato queria prender ministros do Supremo, diz hacker

Data de Publicação: 22 de dezembro de 2020 09:32:00
Por Redação
Do CARTA CAPITAL

Em entrevista à CNN Brasil, o hacker Walter Delgatti Neto, responsável por acessar mensagens trocadas entre procuradores força-tarefa da Lava Jato e o ex-juiz Sergio Moro, afirmou que a “Lava Jato” gostaria de prender ministros do Supremo Tribunal Federa

O material foi ao ar no domingo 20. Em resposta a uma pergunta do repórter Caio Junqueira, Delgatti afirmou. “Eles queriam. Eu não acho, eles queriam. Inclusive Gilmar Mendes e Dias Toffoli. Eles tentavam de tudo pra conseguir chegar ao Gilmar Mendes e ao Toffoli, eles tentaram falar que o Toffoli tentou reformar o apartamento e queria que a OAS delatasse o Toffoli, eles quebraram o sigilo do Gilmar Mendes na Suíça, do cartão de crédito, da conta bancária dele, eles odiavam o Gilmar Mendes, falavam mal do Gilmar Mendes o tempo todo.“

Ainda na entrevista, Delgatti detalhou a proximidade entre alguns ministros e os responsáveis pela operação.

“O [ministro do STF Luís Roberto] Barroso, eles tinham um laço bem próximo. O Barroso e o Deltan [Dallagnol, ex-procurador da Lava Jato] conversavam bastante, (sobre) vida pessoal. Inclusive o Barroso, em conversas, auxiliava o que colocar na peça, o que falar. Um juiz auxiliando, também, o que deveria fazer um procurador.”

Veja entrevista na íntegra de Delgatti para CNN

(Com informações complementares da CNN\)

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário