Português Italian English Spanish

Futebol: Paulistão foi mais rentável após “divórcio” com a Globo

Futebol: Paulistão foi mais rentável após “divórcio” com a Globo

Data de Publicação: 22 de abril de 2022 08:08:00
Por Marcondes Brito
METRÓPOLES

Pouco mais de um mês atrás, mostramos aqui que o Campeonato Paulista distribuiu prêmios para os clubes que terminaram entre a 1ª e a 14ª colocação. Só o Palmeiras, campeão da temporada, recebeu um Pix de R$ 3,5 milhões.

Pois agora ficamos sabendo que a Federação Paulista de Futebol está rindo à toa com o faturamento total do campeonato estadual, após trocar a parceria que tinha com a TV Globo e fazer negociações separadas em diferentes plataformas para a viabilizar a transmissão.

Pelo contrato com o Grupo Globo, em vigor até o ano passado, a FPF recebia, segundo reportagem da Folha, R$ 225 milhões por ano pela negociação em todas as plataformas (R$ 251,6 milhões corrigidos pela inflação, segundo o IBGE).

Sem a Globo nesta temporada, o valor passou para R$ 293 milhões. O “divórcio” com a Globo foi festejado e a fórmula de sucesso deve ser mantida nos próximos anos.

Embora o ibope da TV aberta tenha apresentado um leve recuo (na Record este ano deu 27,26 de média; e na Globo, 30,1, em 2021), há o incremento do Youtube, que deve ser levado em consideração.

Para as transmissões pelo YouTube, com equipe própria, foi criado o canal Paulistão, que atingiu 36 milhões de pessoas, e esse é um número absolutamente fantástico. Jogos ao vivo chegaram a ter mais dois milhões de internautas acompanhando a partida de forma simultânea.

Conclui-se portanto que foi um negócio extremamente vantajoso para a FPF tirar a exclusividade da Globo no Paulistão. Ter o controle das transmissões permitiu padronizar a identidade visual do campeonato, algo que é praticado em torneios internacionais mas que, no Brasil, dependia basicamente da emissora detentora dos direitos.

(Com adaptações. Leia original no Metrópoles - aqui)

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário